domingo, 17 de junho de 2018

Seleção empata, Para Tite, ansiedade atrapalhou jogadores do Brasil



O técnico da Seleção Brasileira, Tite, afirmou que a ansiedade atrapalhou o desempenho do time na estreia hoje (17), em Rostov. Para ele, os atacantes precisam ser mais “frios” na hora da finalização. “A ansiedade bateu forte. Quando apressa demais, a finalização fica imprecisa”, disse.
“Nesse momento, em uma Copa do Mundo, temos que absorver quando toma um gol. Então, serve de aprendizado”, completou o treinador na coletiva de imprensa após o empate de 1 a 1 com a Suíça.
Tite evitou atrair os holofotes para o erro do árbitro, que não marcou falta em Miranda no gol da Suíça, mas afirmou que um erro como aquele “não pode acontecer em um jogo de alto nível”.
Ele também defendeu os jogadores, que reclamaram de forma tímida da falta no lance do gol. Para ele, o time não pode perder o equilíbrio emocional pressionando o árbitro. “Não tem que pressionar a arbitragem. Tem todo um processo [de arbitragem], pessoas que avaliam [os lances] e eu não posso fazer da equipe do Brasil uma equipe desequilibrada”.

Copa: Alemanha perde de 1 a 0 para o México

Os atuais campeões do mundo caíram diante do México na estreia da Copa do Mundo. Os mexicanos fizeram 1 a 0, gol de Lozano, no primeiro tempo e se defenderam com eficiência durante o restante do jogo. A Alemanha passou a maior parte do jogo no campo do adversário, mas teve poucas chances reais de gol. Com a vitória, o México lidera o Grupo F com 3 pontos. A Alemanha é a lanterna, com uma derrota e nenhum ponto ganho. O Grupo F cruzará com o Grupo E, o grupo do Brasil, nas oitavas de final.
O primeiro tempo foi bastante disputado. O México não se intimidou com o adversário e explorou os contra-ataques. Foram pelo menos três bons avanços em velocidade, contra uma defesa lenta da Alemanha. Até que aos 34 minutos, um contra-ataque rápido pegou a defesa alemã desprevenida. Eram dois mexicanos contra dois alemães. Lozano recebeu na área, tirou Özil da jogada com um corte e bateu firme, no canto direito de Neuer

Política: Presidente do Flamengo topa ser vice de Marina Silva



Com dificuldade de atrair outros partidos para sua chapa, Marina Silva buscou um aliado fora da política tradicional: o presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, nome defendido por líderes da Rede, como o senador Randolfe Rodrigues, para ser o candidato a vice-presidente. Se Marina quiser, Bandeira de Mello avisa que aceitará o posto.
“Agradeço ao Randolfe, mas vou ajudar como a Marina preferir. Não acho o mais provável (ser vice), porque a vaga pode ficar para um partido aliado, mas estou à disposição para qualquer missão, até mesmo para não sair candidato e só ajudar na campanha”, disse o presidente rubro-negro, rindo de um episódio ocorrido quando se filiou à Rede e completou “Eu declarei, como agora, que vou fazer o que a Marina mandar. Aí, as redes sociais dela foram inundadas de torcedores dizendo ‘Marina, manda ele contratar um centroavante'”.
Se virar o candidato a vice, não faltará afinidade de discurso. Instado a falar sobre seu posicionamento político e ideológico, o que vinha evitando fazer como dirigente esportivo, Bandeira de Mello dá opiniões alinhadas ao centrismo de Marina, conjugando bandeiras progressistas com uma visão mais liberal da economia.
“Tenho preocupação com a questão social, com questões ligadas a direitos humanos e ao meio ambiente. E não nego a força das leis do mercado. Não sou favorável a Estado mínimo absoluto, mas a ação do Estado não necessariamente se dá através da posse das ações ordinárias. A iniciativa privada é fundamental, e o Estado estabelece as regras do jogo. E reforma da previdência não é questão ideológica, é matemática”, opinou.
Como Marina, Bandeira de Mello conta já ter votado no PT e no PSDB: “Votei no Fernando Henrique nas duas vezes. Votei no Lula no 2º turno em 1989, e outras vezes no PT, porque desde sempre votei no Gabeira. E votei na Marina nas últimas”.
Por enquanto, o administrador tem discutido estratégias e dado sugestões para a elaboração do programa de governo de Marina. Os dois se conhecem desde que Bandeira de Mello chefiou a área de meio ambiente do BNDES. Depois de se aposentar, foi lançado em 2012 à presidência do Flamengo como candidato de um grupo de empresários que entrou para a política rubro-negra.
Venceu como “outsider”, mas logo rompeu com o grupo que o lançara. Foi reeleito em 2015 com apoio de uma leva de novos associados e também pela composição com forças da velha política do clube. Arranjos em nome da governabilidade que Marina, com uma base de apoios pequena, terá de fazer.
“Isso não será problema para ela. Ela já se posicionou contra a reeleição, os políticos sabem que não vai querer governar em proveito próprio”, disse.
A entrada de Bandeira de Mello na política leva o noticiário sobre o Flamengo a extrapolar as páginas esportivas mais uma vez. Em seu segundo mandato, o presidente escalou o empresário Flávio Godinho como vice de futebol, segundo cargo mais importante no clube. Ex-braço-direito de Eike Batista, ele foi preso em janeiro de 2017, acusado de pagar propina ao esquema do ex-governador Sérgio Cabral. Hoje, Godinho tem de cumprir recolhimento domiciliar noturno.

O Globo


Motociclista morre após cair e ser atropelado por caminhão na BR-101, em Parnamirim

Motociclista morreu após cair da moto e ser atropelado por caminhão na BR-101, em Panamirim, na Grande Natal (Foto: Lamonier Araújo/Inter TV Cabugi)

Motociclista morreu após cair da moto e ser atropelado por caminhão na BR-101, em Panamirim, na Grande Natal (Foto: Lamonier Araújo/Inter TV Cabugi)

Um motociclista morreu após cair e ser atropelado por um caminhão na BR-101, em Parnamirim, na manhã deste sábado (16). O acidente aconteceu próximo ao IFRN por volta das 11h.
De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, o motociclista perdeu o controle da moto após derrapar na pista molhada e caiu do veículo. Um caminhão que vinha logo atrás não conseguiu desviar e atropelou o motociclista.
A PRF inteditou uma das vias até a chegada do Itep.

Do G1RN


Mesmo na Copa, Meira Ricci mantém salário de R$ 25 mil do governo federal


foto: CBF

Ao mesmo tempo em que está na Rússia para apitar jogos da Copa do Mundo, o único árbitro brasileiro na competição recebe do governo brasileiro salário integral de servidor público.
Sandro Meira Ricci recebe R$ 25 mil mensais como analista de comércio exterior do governo federal. O pagamento, mesmo durante a ausência dele, foi garantido por um despacho publicado no Diário Oficial. O documento autoriza o afastamento de 2 de junho a 17 de julho, mas não lhe suspende o salário.
Procurado pela reportagem, Ricci informou que não se manifestaria sobre o assunto porque a Fifa não permite contato dos árbitros com a imprensa.

Flagrante: Preso é flagrado tentando fugir disfarçado de mulher, no Recife

Um presidiário foi capturado por agentes penitenciários ao tentar fugir de uma das unidades do Complexo Prisional do Curado, na Zona Oeste do Recife, usando uma peruca e roupas de mulher. O caso foi registrado na tarde deste sábado (16), no Presídio Juiz Antônio Luiz Lins de Barros.
Segundo a Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres), Cleyton Alberty de Souza Firmino, 20 anos, tentou fugir por volta das 15h, durante a visita conjugal. Usando uma peruca e unhas pintadas, ele tentou sair pela porta da frente do presídio, quando foi impedido por agentes.
Segundo o Sindicato dos Agentes Penitenciários (Sindasp), o homem usou a identificação que a esposa dele havia ganho para entrar na unidade durante o horário de visitas. “Ele achava que, pela quantidade de gente que estava saindo, ninguém ia notar a presença dele ou pedir identificação”, comenta o presidente da entidade, João Carvalho.
De acordo com a Seres, o detento vai ser submetido ao Conselho Disciplinar da unidade prisional e a carteira da visitante, que estava em posse dele, suspensa.

G1

Ex jogador da Seleção Brasileira Ronaldo visita seleção antes da estreia

Ronaldo, o maior artilheiro da seleção brasileira em Copas do Mundo, visitou o hotel da equipe na noite de sábado, em Rostov, na véspera da estreia deste domingo, contra a Suíça, às 15h (de Brasília) para desejar boa sorte a Tite, Neymar, Gabriel Jesus e companhia.
Em suas redes sociais, o ex-atacante e atual comentarista da Globo afirmou que o ambiente no time é semelhante ao de 2002, quando o Brasil conquistou seu último título com Ronaldo como artilheiro.

Neymar pode completar três anos de invencibilidade pela Seleção Brasileira neste domingo



A Seleção Brasileira e o seu principal jogador, Neymar, podem atingir um importante retrospecto neste domingo caso não percam para a Suíça, em Rostov, pela estreia na Copa do Mundo. Há três anos, em 17 de junho de 2015, o Brasil perdeu uma partida pela última vez com a presença do atacante em campo, marca que pode ser ampliada se a equipe confirmar o favoritismo e passar sem derrota pelo primeiro compromisso na Rússia.
O resultado negativo em questão foi pela Copa América, no Chile. Em Santiago, o Brasil perdeu por 1 a 0 para a Colômbia e, após o apito final, Neymar se envolveu em uma discussão com os adversários e acabou expulso. O gesto lhe rendeu uma punição pelas partidas seguintes, válidas pelas Eliminatórias, quando sua ausência acabou por enfraquecer o time e contribuir para resultados negativos.
Com Neymar no elenco, o Brasil não perdeu mais desde então. Em jogos oficiais, foram só duas derrotas. E um outro revés em um amistoso. Pelas Eliminatórias a seleção perdeu para o Chile, na estreia, por 2 a 0, em outubro de 2015. O atacante estava suspenso e não participou do jogo.
Na Copa América Centenário, em 2016, nos Estados Unidos, ele não foi convocado pois havia sido liberado pelo Barcelona para disputar os Jogos Olímpicos do Rio-2016. Com isso, foi “poupado” de participar de derrota por 1 a 0 para o Peru.

sábado, 16 de junho de 2018

Pesquisa: Exame de sangue que detecta câncer chegará a laboratórios em poucos anos

Em poucos anos, um simples exame de sangue, realizado em laboratório, poderá detectar o câncer de pulmão em fase inicial, antes mesmo que ele possa ser visto em imagem. O anúncio foi feito durante o encontro anual da Sociedade Americana de Oncologia Clínica (Asco), neste mês, em Chicago. Uma pesquisa ainda em curso, apresentada na sessão plenária do congresso, aponta que a análise de fragmentos de DNA flutuando no plasma sanguíneo é capaz de encontrar precocemente esses tumores.
Geoffrey R. Oxnard, autor líder do estudo Atlas das Células Circulantes Genoma Livre (CCGA, para a sigla em inglês) e professor de medicina do Instituto do Câncer Dana-Farber e da Escola de Medicina de Harvard, de Boston, mostrou-se animado com os resultados iniciais. “Existe uma demanda global por testes de detecção precoce de câncer de pulmão que possam ser facilmente implementados pelos sistemas de saúde pública”, justificou a importância da descoberta.

Em Macaíba, artista plástico pinta muro com caricaturas de jogadores da seleção brasileira

Mais vez o artista plástico Wellington Potiguar pinta muro com rostos dos jogadores da seleção brasileira. A pintura de  Wellington Potiguar foi feita no muro de duas residências na rua Amélia Mesquita, no bairro Auta de Souza em Macaíba. Para realizar este trabalho o artista contou com  ajuda de sua família e vizinhos.
A rua Amélia Mesquita recebe visitas constantes de moradores de outros bairros de Macaíba, que querem ver de perto as caricaturas. O trabalho de Wellington Potiguar foi matéria de várias emissoras de televisão.